Dicas e precauções para manter uma boa saúde auditiva

Não costumamos dar muita atenção a saúde de nossos ouvidos e é de fundamental importância, já que conforma os órgãos de equilíbrio e audição. Por isso, devemos proteger as diferentes estruturas que compõem este órgão, evitando lesões que podem prejudicar a saúde auditiva. Basicamente devemos evitar ruídos altos, prevenir infecções, nos preocupar em levar uma boa alimentação e tratar corretamente as alergias e resfriados. – Por estruturas, o ouvido interno estiver a ser gravemente afectado a longo prazo em ambientes muito ruidosos. E é que com o passar dos anos, o ruído excessivo vai provocando uma perda auditiva progressiva. Por isso, há que evitar colocar o volume alto dos dispositivos de áudio. Não devem nunca superar os 60 decibéis, já que pode produzir lesões que, com o tempo, podem se tornar irreversíveis. Também há que ter especial cuidado com as discotecas e os shows, já que superam amplamente os limites estabelecidos como seguros e saudáveis para os nossos ouvidos. Há que ter em conta que a poluição sonora não tem seus efeitos de forma imediata, mas anos depois, por que não costumamos prestar interesse a um aspecto fundamental. De fato, cada vez mais, as pessoas jovens, que têm perda de audição em idade mais precoce. Também alguns medicamentos podem afectar o seu correcto funcionamento, por que sempre tem que seguir as diretrizes indicadas pelo médico. – Por outro lado, o ouvido médio é afetado principalmente por alergias, resfriados e sinusite. As pessoas que costumam sofrer de infecções de garganta ou nariz têm que ter um cuidado especial, porque a sua repetição termina por afetar a orelha. Quando chega o mau tempo há que proteger-nos do frio. Há que tratar corretamente os resfriados e alergias. Também se deve ter em conta que o ouvido médio está muito relacionado com o funcionamento do nariz, para que o seu congestionamento provoca a inflamação da trompa de Eustáquio e costuma causar otite. – Em relação ao ouvido externo, há que ter em conta que é a parte que fica exposta ao exterior. Por esse motivo, é suscetível principalmente a infecções. Não se deve usar nunca bastoncillos ou outros objetos para remover a cera no ouvido, já que tem uma função importante, que é a de evitar a entrada de corpos estranhos que possam danificar o ouvido. Além disso, sua utilização pode danificar o ouvido diretamente. Como vemos, há que se preocupar com todas as estruturas que compõem a orelha. Por isso mesmo, é fundamental realizar revisões periódicas. Através de uma audiometria tonal, o médico pode verificar o nosso nível de audição. Também há que ter em consideração que, se trabalhamos em um ambiente barulhento, há que se proteger também os ouvidos com fones de ouvido. Se você já tem um problema de audição, temos que continuar cuidando dos ouvidos, já que, mas continuará perdendo audição. Por este motivo, há que levar postos fones de ouvido se você nos indicou o especialista. Por último, a alimentação saudável nos ajuda a manter uma boa saúde auditiva. Há que fazer uma dieta variada, rica em frutas e vegetais e com baixos níveis de gorduras saturadas. A ingestão de vitaminas A e e nos ajuda também a proteger o envelhecimento celular, dado o seu elevadas propriedades antioxidantes.